Lideradas pelas milícias curdas, as Forças Democráticas Sírias (FDS) exigiram neste sábado (12) que os Estados Unidos assumam sua "obrigação moral" contra a ofensiva turca no norte do país.

"Nossos aliados nos haviam garantido proteção (...), mas nos abandonaram inesperadamente e sem aviso e, em uma decisão injusta, retiraram suas tropas da fronteira turca", denunciaram as FDS em um comunicado.

"Convidamos nossos aliados a assumirem sua obrigação moral e respeitarem suas promessas", acrescenta a nota.

As FDS eram aliadas da coalizão internacional liderada por Washington no combate ao grupo extremista Estado Islâmico (EI).

"Não queremos que enviem soldados à frente para que ponham suas vidas em perigo. Tudo o que pedimos é que fechem o espaço aéreo da aviação turca", complementou o texto.

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.