Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

As forças curdas, apoiadas pela aviação americana, retomaram o controle sobre a maior represa do Iraque, ao norte de Mossul, após intensos combates com os jihadistas do Estado Islâmico (EI)

(afp_tickers)

As forças curdas, apoiadas pela aviação americana, retomaram o controle sobre a maior represa do Iraque, ao norte de Mossul, após intensos combates com os jihadistas do Estado Islâmico (EI).

"A represa de Mossul foi completamente liberada", declarou Ali Awni, líder do principal partido curdo iraquiano, que acrescentou que os combates se desenrolam agora em Tal Kayf, uma localidade controlada pelos jihadistas a 100 km da barragem.

Um oficial curdo e dois líderes de partidos políticos locais confirmaram que os combatentes curdos peshmergas haviam tomado o controle da represa que fornece água e eletricidade para a maior parte da região e que é essencial para a irrigação de grandes plantações na província de Nínive (norte).

Em 8 de agosto, os jihadistas do Estado Islâmico tomaram a barragem graças à ofensiva lançada no início de junho.

Os insurgentes tomaram o controle de grandes extensões de território no leste, oeste e norte do Iraque no início de agosto, antes de expandir sua ofensiva em direção à região autônoma do Curdistão.

As forças curdas, que inicialmente lutavam para deter seu avanço, têm sido apoiadas pelas forças americanas que realizam ataques aéreos contra posições do IE desde 8 de agosto.

AFP