Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

A fabricante alemã Daimler está fazendo o "recall" de mais de um milhão de veículos, inclusive Mercedes, devido a um problema nos airbags

(afp_tickers)

A fabricante alemã Daimler está fazendo o "recall" de mais de um milhão de veículos, inclusive Mercedes, devido a um problema nos airbags, disse um porta-voz da empresa à agência de notícias DPA, nesta segunda-feira (16).

Entre os veículos convocados há cerca de 400 mil carros Mercedes no Reino Unido e outros milhares na Alemanha, segundo a agência.

Um porta-voz nos Estados Unidos disse que 495 mil carros seriam alvo de "recall" lá.

A fonte do problema é um cabo defeituoso que pode disparar o airbag sem necessidade.

O recall dos carros vai começar nas próximas semanas, quando novos componentes para corrigir o defeito estarão disponíveis.

No Reino Unido, a Mercedes-Benz anunciou o "recall" de 400 mil veículos de uma gama de modelos.

Um porta-voz da Mercedes disse que o pedido diz respeito a carros vendidos entre novembro de 2011 e julho de 2017.

O porta-voz também disse que a medida "não está relacionada ao recente 'recall'" da Honda de mais de 245 mil veículos na China por preocupações com airbags defeituosos fabricados pela japonesa Takata.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP