AFP

A companhia aérea americana Delta Air Lines oferecerá até 10 mil dólares aos passageiros que estiverem dispostos a ceder seu assento voluntariamente em caso de overbooking

(afp_tickers)

A companhia aérea americana Delta Air Lines oferecerá até 10 mil dólares aos passageiros que estiverem dispostos a ceder seu assento voluntariamente em caso de overbooking, indicou a empresa à AFP nesta segunda-feira.

Esta decisão foi tomada após o polêmico caso da United Airlines que retirou um passageiro de forma brusca de dentro do avião, causando indignação internacional.

A partir de agora, a Delta recomenda aos agentes dos portões de embarque que ofereçam até dois mil dólares ao passageiro que se oferecer para liberar seu assento em caso de overbooking, diante dos 800 dólares que oferecia antes.

Os supervisores, por sua vez, poderão oferecer até 9.950 dólares aos passageiros como forma de estimulá-los a ceder seu assento, contra os 1.350 dólares que podiam conceder até agora.

Desta forma, a Delta espera evitar incidentes como a violenta expulsão de David Dao, um médico de origem vietnamita residente nos Estados Unidos, que acarretou à United uma má publicidade, pedidos de boicote e queda de suas ações na bolsa.

AFP

 AFP