Vinte pessoas morreram no desabamento de um edifício residencial na cidade de Cartagena (norte do país), informou o prefeito, Manolo Duque, em um post publicado neste sábado no Twitter, após uma operação de resgate que já leva dois dias.

A tragédia aconteceu na quinta-feira, quando o edifício de seis andares desabou por razões que estão sendo investigadas, informou a Cruz Vermelha à AFP.

Equipes de emergência retiraram 41 pessoas dos escombros, 16 delas com ferimentos graves.

O prefeito informou que até agora foram identificados 12 dos 20 mortos. Uma missa era celebrada neste sábado em memória dos falecidos.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.