Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Duas mulheres ativistas, que são um casal na vida real, têm a intenção de dizer "sim" ao menos 24 vezes ao redor do mundo em uma performance para homenagear o casamento gay

(afp_tickers)

Duas mulheres ativistas, que são um casal na vida real, têm a intenção de dizer "sim" ao menos 24 vezes ao redor do mundo, em uma performance para homenagear o casamento gay.

Depois de um primeiro casamento em Nova York, em setembro, a holandesa Julian P. Boom, de 39 anos, e a belga Fleur Pierets, de 44 anos, se lançaram em uma aventura que as levará a outros 23 países onde o casamento homossexual é legal.

O segundo casamento já aconteceu em Amsterdã, onde Julian viveu por 15 anos, seguido por um terceiro, na Antuérpia, no norte da Bélgica, na semana passada. Agora empreenderão o caminho até Paris, onde sua união será celebrada em 7 de novembro por Hélène Bidard, vice-prefeita.

"Tentamos fazer este projeto muito aberto e discutido sobre a maneira como poderíamos sensibilizar a população. Ao invés de nos queixarmos pelos 170 países onde o casamento gay é proibido, celebremos os 24" onde é legalizado, explicou Fleur Pierets.

O casal recebeu muito apoio desde o lançamento do seu "Projeto 22", e estão previstos um documentário, uma exposição fotográfica e um livro sobre a sua aventura.

Desde o início do "Projeto 22", que durará dois anos, Alemanha e Malta ampliaram a lista de países que autorizam o casamento homossexual.

Mas isso não desanimou o casal, que diz querer criar "uma espécie de cápsula temporal na qual se pode ver que algumas coisas podem realmente melhorar".

Como se trata de uma "performance artística", as duas mulheres não devem satisfazer as condições em matéria de residência e se beneficiam da benevolência das autoridades em cada país.

Mas a primeira união do casal celebrada em Nova York, onde moram, que será a oficial.

"Realmente queríamos concretizar esse projeto. Vendemos tudo e viajamos com só uma mala", comenta Fleur Pierets.

As duas mulheres, que às vezes se hospedam na casa de amigos, ainda têm orçamento suficiente para cinco, ou seis casamentos. Portugal, Espanha, Luxemburgo e Grã-Bretanha são seus próximos destinos.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP