Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) Os cadáveres de cinco pessoas, com as mãos amarradas por fitas adesivas e com sinais de tortura, foram localizados em um apartamento de um bairro de classe média na Cidade do México

(afp_tickers)

Os corpos de cinco pessoas, com as mãos amarradas por fitas adesivas e com sinais de tortura, foram localizados em um apartamento de um bairro de classe média na Cidade do México, informaram neste sábado as autoridades locais.

"Os corpos das vítimas correspondem a quatro mulheres e um homem que morreram por disparo de arma de fogo", informou o Ministério Público da cidade em um comunicado.

Uma fonte policial afirmou que os corpos são de três mulheres e dois homens "que estavam com as mãos amarradas e alguns com sinais de tortura".

As autoridades que investigam o caso não informaram a identidade das vítimas nem o provável motivo dos assassinatos.

O México está sendo atingido por uma onda de violência ligada ao narcotráfico, que já deixou mais de 100 mil mortos e 22 mil desaparecidos desde 2006, quando o governo lançou uma operação militar contra o crime organizado.

Corpos encontrados com sinais de tortura geralmente são ligados a ajustes de contas do narcotráfico, principalmente no norte do país.

No entanto, esses casos são raros na Cidade do México, que tem estado à margem desse tipo de violência.

AFP