Navigation

Equador, Costa Rica e Guatemala reconhecem Guaidó como presidente interino da Venezuela

O presidente da Assembleia Nacional, Juan Guaidó, durante manifestação em Caracas, em 23 de janeiro de 2019 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 23. janeiro 2019 - 21:44
(AFP)

Os presidentes de Equador e Costa Rica, Lenín Moreno e Carlos Alvarado, respectivamente, e a chanceler guatemalteca, Sandra Jovel, reconheceram nesta quarta-feira (23) Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela.

"A República do Equador reconhece como presidente interino da Venezuela o senhor presidente da Assembleia Nacional, Juan Guaidó", assinalou Moreno por meio de um vídeo divulgado em sua conta do Twitter.

Moreno, que está no Fórum Econômico Mundial de Davos, confiou que Guaidó "convocará o mais breve possível eleições livres e transparentes, com ampla observação internacional".

Também de Davos, na Suíça, o presidente costa-riquenho Alvarado declarou pelo Twitter que "a Costa Rica reconhece a proclamação do senhor Juan Guaidó com presidente interino da Venezuela". E acrescentou: "advogamos pelo diálogo, pela paz e por novas eleições livres".

Através da chanceler da Guatemala, Sandra Jovel, o governo reconheceu o opositor Guaidó.

"A Guatemala reconhece o Presidente da Assembleia Nacional, Juan Guaidó, como Encarregado Interino da Presidência da Venezuela e manifesta o seu apoio", assinalou Jovel pelo Twitter.

O anúncio do governo guatemalteco foi precedido por uma manifestação de dezenas de venezuelanos diante da embaixada de seu país na Cidade da Guatemala em rechaço à gestão de Nicolás Maduro e para celebrar a autoproclamação de Guaidó.

Brasil, Estados Unidos, Canadá, Argentina, Colômbia e Peru, entre outras nações, reconheceram Guaidó como presidente da Venezuela.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.