Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Durante uma assembleia geral realizada na véspera, a maioria dos funcionários do festival havia se pronunciado a favor da greve e outra votação nesta sexta-feira dos elencos dos dois espetáculos confirmou a decisão.

(afp_tickers)

Os dois espetáculos de abertura do Festival de Avignon previstos para esta sexta-feira foram cancelados devido a um conflito trabalhista com os trabalhadores intermitentes, anunciou o diretor do evento realizado no sul da França, Olivier Py.

O cancelamento da apresentação de "O príncipe de Homburg" e do balé "Golpe fatal" foi anunciado após uma votação dos funcionários, informou Olivier Py em uma coletiva de imprensa em Avignon.

Durante uma assembleia geral realizada na véspera, a maioria dos funcionários do festival havia se pronunciado a favor da greve e outra votação nesta sexta-feira dos elencos dos dois espetáculos confirmou a decisão.

No entanto, de acordo com os funcionários, seria mantida, ao que parece, a exibição na televisão da peça de teatro "O príncipe de Homburg", disse Py.

Os funcionários intermitentes (artistas e técnicos que exercem sua profissão alternando períodos de emprego e desemprego) denunciam a nova convenção de seguro-desemprego que rege suas condições de indenização nos períodos de inatividade, em um setor no qual a precariedade do emprego é a regra.

AFP