Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Bandeira do Estado Islâmico

(afp_tickers)

O grupo Estado Islâmico (EI) retomou o controle da cidade síria de Bukamal, próxima à fronteira com o Iraque e cuja conquista havia sido anunciada pelo Exército e seus aliados esta semana, anunciou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

"O EI retomou totalmente Bukamal. As forças do regime e as milícias aliadas estão, agora, a um ou a dois quilômetros da periferia da cidade", afirmou o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman.

Na última quinta-feira, as forças do regime, apoiadas pela aviação russa, anunciaram a tomada de Bukamal, última cidade da Síria país nas mãos do EI.

Segundo o OSDH, a ofensiva do regime sírio em Bukamal foi realizada por milícias iraquianas, combatentes do Hezbollah, libanês, e pelos Guardiões da Revolução, iranianos.

Mas os jihadistas haviam recuperado hoje a cidade, realizando "emboscadas e lançando ataques com carros-bomba", indicou Rahman.

Nos últimos dias, as forças que combatem o EI de ambos os lados da fronteira entre Iraque e Síria coordenaram suas ações.

Do outro lado da fronteira, as forças iraquianas lançaram hoje a ofensiva contra o último foco controlado pelos jihadistas naquele país, no deserto ocidental.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP