Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Mulher carrega sacola da Macy's na Herald Square, em Nova York, no dia 11 de agosto de 2016

(afp_tickers)

A confiança dos consumidores nos Estados Unidos se recuperou da queda provocada pelos furacões no mês passado, ao atingir seu nível mais alto em 17 anos em outubro, de acordo com uma pesquisa mensal divulgada nesta terça-feira (31).

O índice de confiança do consumidor de setembro ainda foi revisado para cima, após o relatório inicial mostrar um declínio modesto ante o impacto dos furacões Harvey e Irma.

O índice superou as expectativas, subindo a 125,9 em outubro, em relação aos 120,6 de setembro (revisado), segundo a pesquisa da Conference Board. Já são quatro meses consecutivos de altas.

Os dados positivos de confiança "sugerem que a economia vai continuar a se expandir num ritmo sólido pelo resto do ano", afirmou a diretora de indicadores da Conference Board, Lynn Franco, em nota.

"Consumidores também estavam consideravelmente mais otimistas com o cenário a curto prazo, com a perspectiva de melhorar as condições de negócios como principal motor".

A confiança foi estimulada pelo mercado de trabalho, "que não recebia avaliações tão favoráveis desde o verão de 2001", disse Franco.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP