AFP

O vice-presidente americano, Mike Pence, caminha no Capitólio, sede do Legislativo americano, em 18 de maio de 2017

(afp_tickers)

O vice-presidente americano, Mike Pence, contratou um advogado que trabalhou no caso Watergate para tratar as petições do investigador especial que investiga uma suspeita de conluio com a Rússia na campanha às eleições presidenciais de 2016, informou nesta quinta-feira seu porta-voz à AFP.

"O vice-presidente contratou Richard Cullen do (escritório) McGuire Woods para assisti-lo em responder às perguntas do investigador especial" Robert Mueller, reportou o diretor de comunicações de Pence, Jared Agen, em um comunicado.

"O vice-presidente está totalmente focado em seus deveres e em promover a agenda do presidente e espera com interesse a rápida conclusão deste assunto", acrescentou.

O anúncio de Pence é feito depois de várias semanas de deliberações, analisando vários candidatos, disse um funcionário do governo, esclarecendo que não se usará dinheiro dos contribuintes.

A decisão final de contratar Cullen foi tomada no começo da semana.

Cullen - que tem experiência nos casos Irã-Contras, Watergate e na recontagem de votos do ano 2000 na Flórida - foi procurador federal do distrito leste de Virgínia.

A iniciativa de Pence se segue à decisão do presidente Trump de contratar o assessor externo Marc Kasowitz e poderia indicar que a investigação está entrando em uma nova fase.

Em meio a informes de que Mueller também está investigando se Trump tentou obstruir a Justiça, espera-se que vários assessores da Casa Branca sejam contatados por sua equipe e estejam preparando sua defesa.

AFP

 AFP