Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O anúncio foi feito pelo ministro catariano das Relações Exteriores, xeque Mohamed ben Abderrahman Al-Thani, que fechou o acordo junto com o secretário de Estado americano, Rex Tillerson, que visita o Catar

(afp_tickers)

Catar e Estados Unidos assinaram um memorando de acordo sobre a luta contra o financiamento do "terrorismo" - anunciaram autoridades de ambos os países, em Doha, nesta terça-feira (11).

O anúncio foi feito pelo ministro catariano das Relações Exteriores, xeque Mohamed ben Abderrahman Al-Thani, que fechou o acordo junto com o secretário de Estado americano, Rex Tillerson, que visita o Catar.

O emirado foi isolado e alvo de bloqueio por parte de seus vizinhos do Golfo, sob a alegação de que estaria apoiando movimentos extremistas.

"Hoje, o Catar é o primeiro país a firmar com os Estados Unidos um programa de luta contra o financiamento do terrorismo", declarou o xeque Al-Thani.

"Convidamos todos os países que nos impõem um bloqueio a se somarem ao acordo", acrescentou o ministro, em entrevista coletiva ao lado de Tillerson.

O secretário de Estado americano viaja nesta quarta-feira (12) para Jidá, como parte de sua turnê pela região.

AFP