Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Os Estados Unidos decidiram acelerar a entrega de mísseis e aviões não tripulados ("drones") de vigilância ao Iraque para ajudar o governo desse país a combater os insurgentes da Al-Qaeda

(afp_tickers)

Os Estados Unidos planejam vender 5 mil mísseis ar-terra Hellfire ao Iraque, em um negócio totalizando 700 milhões de dólares, informou uma agência governamental nesta terça-feira, no momento em que Washington trata de ajudar Bagdá a recuperar o território perdido para os militantes sunitas.

O governo americano, que até o momento resistia em entregar certas armas a Bagdá, já enviou centenas de mísseis ao Iraque diante da ofensiva dos "jihadistas" sunitas, que assumiram o controle de áreas no norte e no oeste da capital.

A venda proposta é a maior já realizada envolvendo os Hellfire, que os iraquianos disparam de aviões AC-208 Cessna Caravan e outros aparelhos.

O negócio envolve 5 mil mísseis AGM-114K/N/R Hellfire e o equipamento necessário, componentes, treinamento e apoio logístico, totalizando 700 milhões de dólares, segundo a Agência de Cooperação para Defesa e Segurança.

AFP