Navigation

EUA testará pessoas com sintomas de gripe para novo coronavírus

(13 fev) Homem tem temperatura checada na entrada de hospital em Xangai afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 14. fevereiro 2020 - 20:34
(AFP)

Os Estados Unidos vão começar a examinar pessoas com sintomas de gripe parecidos com os do novo coronavírus, informou nesta sexta-feira (14) a diretora de doenças respiratórias dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC).

"Os CDC começaram a trabalhar com cinco laboratórios de saúde pública nos Estados Unidos visando utilizar sua rede de vigilância da gripe, para que possamos avaliar pessoas com sintomas similares aos da gripe e detectar o novo coronavírus", disse Nancy Messonnier.

Ela acrescentou que inicialmente laboratórios de Los Angeles, San Francisco, Seattle, Chiago e Nova York vão avaliar as amostras, mas está planejado que outros laboratórios incorporem mais.

O anúncio foi feito quando o número de casos confirmados nos EUA chegou a 15, e 600 pessoas continuam em quarentena.

O COVID-19 provocou a morte de cerca de 1.400 pessoas - quase todas na China, onde surgiu o patógeno - e cerca de 64 mil foram infectados.

Os Estados Unidos emitiram uma proibição temporária de viagem para estrangeiros que visitaram a China recentemente e impuseram quarentenas aos americanos que voltaram da província chinesa de Wuhan, epicentro da epidemia.

Messonnier acrescentou que suspeitos de ter estado expostos ao vírus deverão repetir o exame em 14 dias se o primeiro teste der negativo.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.