Navigation

Exército paquistanês inicia ofensiva terrestre contra talibãnes

Tropas paquistanesas em Bannu, Waziristão do Norte afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 30. junho 2014 - 10:08
(AFP)

O exército paquistanês iniciou uma ofensiva terrestre contra as posições dos talibãs e da Al-Qaeda em seu principal reduto no noroeste do país, anunciou o general Asim Bajwa, porta-voz militar.

Esta é a segunda fase da operação iniciada há duas semanas, marcada nos primeiros 14 dias por intensos bombardeios aéreos.

Nesta segunda-feira, os soldados iniciaram o deslocamento para as principais cidades do Waziristão do Norte, incluindo a capital Miranshah, para revistar as casas, anunciou Bajwa.

"Depois da retirada de toda a população civil, hoje começaram as operações terrestres em Miranshah. Os soldados entraram na cidade para revistar as casas", disse o porta-voz.

"Os soldados entraram no mercado central de Miranshah depois da destruição de posições rebeldes pela artilharia. Na operação participam tanques e outros veículos blindados", disse à AFP outra fonte militar.

A ofensiva terrestre começou em Miranshah e Mir Ali", as duas principais cidades do Waziristão do Norte.

Os aliados do Paquistão, em particular Estados Unidos e China, esperavam há algum tempo a ofensiva contra os combatentes islamitas no Waziristão do Norte, um distrito tribal montanhoso e perto da fronteira com o Afeganistão.

Desde o início dos bombardeios há duas semanas, 500.000 civis, grande parte da população local, abandonaram a região.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?