Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Equipe de emergência na área do atentado na cidade paquistanesa de Quetta

(afp_tickers)

Ao menos 11 pessoas morreram e 20 ficaram feridas em uma explosão nesta sexta-feira diante da delegacia central da cidade de Quetta, sudoeste do Paquistão.

A explosão aconteceu em frente ao escritório do chefe de polícia do Baluchistão, província rica em recursos naturais abalada por uma insurreição separatista e a violência islamita.

"Onze pessoas morreram e temos pelo menos 20 feridos", disse à AFP o médico Fareed Ahmed, diretor do hospital civil da cidade.

"Entre as vítimas há quatro policiais mortos. Três feridos estão em condição crítica", informou.

"A explosão tinha como alvo uma caminhonete da polícia estacionada diante do escritório do inspetor-geral", disse o comandante Mohamed Tariq.

Os combates entre as forças de segurança e os separatistas e islamitas na última década provocaram centenas de mortes entre os soldados e os insurgentes.

Baluchistão, na fronteira com Irã e Afeganistão, é a maior região do Paquistão.

Os habitantes afirmam que são marginalizados pelo governo do país, que acusam de despojar a província de seus recursos minerais e de energia.

AFP