Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Moradores ajudam no resgate de feridos após explosões registradas em um gasoduto na cidade taiuanesa de Kaohsiung, em 31 de julho de 2014

(afp_tickers)

Vazamentos de gás provocaram fortes explosões em um gasoduto na cidade taiuanesa de Kaohsiung, ao sul, deixando pelo menos 20 mortos e 270 feridos na quinta-feira à noite - informaram as autoridades, alertando que o número de vítimas pode subir.

"As explosões causaram a morte de pelo menos 20 pessoas e deixaram 270 feridos", anunciou a Agência Nacional de Luta contra Incêndios, acrescentando que os feridos foram levados para diferentes hospitais dessa cidade portuária.

Mais cedo, a prefeita Chen Chu havia divulgado um total de 15 mortos e 233 feridos.

As deflagrações teriam sido causadas por vazamentos de gás relatados por vários moradores do bairro de Cianjen na quinta à noite. A onda expansiva das explosões causou danos graves, destruindo ruas e jogando carros pelos ares.

"Era como um terremoto", disse uma testemunha ao canal de notícias por assinatura FTV.

"O serviço local de luta contra os incêndios recebeu chamados sobre vazamentos de gás na quinta à noite e, depois, houve explosões por volta de meia-noite em uma área de dois a três quilômetros quadrados", relatou a agência, em um comunicado.

As autoridades pediram à população que não vá às zonas afetadas pelas explosões. À noite, as escolas foram abertas para que as vítimas pudessem ser abrigadas.

Essas explosões acontecem apenas uma semana após um acidente com um avião da companhia TransAsia Airways, em Taiwan, no qual 48 pessoas morreram.

AFP