Um foguete disparado do enclave palestino de Gaza caiu nesta quinta-feira (13) sobre um prédio na cidade israelense de Sderot, do outro lado da fronteira, sem causar vítimas, informou a Prefeitura.

O prédio estava vazio no momento em que o foguete caiu, acrescentou a fonte em um comunicado.

O Exército israelense confirmou que foi disparado "um projétil da Faixa de Gaza na direção de Sderot", sem dar maiores detalhes.

O imóvel atingido pertence a uma escola talmúdica, segundo testemunhas.

Shalom Kahlon, um estudante deste centro, contou à imprensa que se salvou por pouco. "O foguete caiu a dois metros do local onde eu estava", declarou.

Na madrugada de quarta para quinta-feira, o Exército israelense bombardeou uma posição do movimento islamita palestino Hamas, em poder me Gaza, após interceptar um foguete.

Estes disparos de projéteis são os primeiros após a recente onda de violência no começo de maio, em que centenas de foguetes foram lançados contra o Estado hebreu, matando quatro israelenses. As represálias aéreas israelenses mataram 25 palestinos.

Na quarta, o exército israelense anunciou o fechamento da zona marítima da Faixa de Gaza, o que impediu os pescadores de trabalhar, após a soltura de balões incendiários do enclave palestino para Israel.

O líder da oposição "Azul-Branco", o ex-chefe do Estado Mayor Benny Gantz, escreveu no Facebook que a solução para a "crise com Gaza é atacar com uma força jamais empregada".

"Os dirigentes do Hamas têm que estar na mira" do exército, afirmou o ex-militar.

Hamas e Israel se enfrentaram em três guerras desde 2008.

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.