Navigation

França doará ao Covax os próximos lotes de vacinas da AstraZeneca

Novas entregas de vacinas anticovid da AstraZeneca que a França receber irão para os países em desenvolvimento, segundo o ministério da Saúde francês afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 20. julho 2021 - 15:56
(AFP)

As próximas entregas de vacinas contra o coronavírus da AstraZeneca que a França receberá pelo seu contrato com o laboratório anglosueco serão doadas a países em desenvolvimento, anunciou o ministério da Saúde francês nesta terça-feira (20).

"Interrompemos as entregas para destiná-las à doação", explicou o ministério.

Esta semana a França receberá "cerca de 1 milhão de doses da AstraZeneca", que serão "reenviadas em 100% ao Covax", o dispositivo de solidariedade internacional de distribuição de vacinas, acrescentou um representante do ministério da Economia e Finanças.

Outros 4,5 milhões de doses que o laboratório anglosueco entregará à França em agosto tomarão o mesmo caminho. A vacina AstraZeneca, que usa tecnologia de vetor viral, é usada na França desde o início de fevereiro. Seu uso, no entanto, ficou rapidamente restrito aos maiores de 55 anos pelos seus raros, mas graves, efeitos colaterais.

Isso produziu uma relativa desconfiança dos franceses ao receberem esta vacina, o que se traduziu em taxas de aplicação significativamente inferiores às das vacinas de RNA (Pfizer e Moderna).

O sistema Covax, que deve garantir o acesso igualitário de todos os países às vacinas anticovid, distribuiu em 12 de julho 102 milhões de doses em 135 países.

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?