AFP

Funcionário da empresa GM&S Industry caminha entre as máquinas, em La Souterraine, em 11 de maio de 2017

(afp_tickers)

Os funcionários de uma fabricante de peças para automóveis na França ameaçam explodir a fábrica, em protesto contra a liquidação judicial da empresa.

Os empregados da GM&S Industry, na localidade de La Souterraine (centro), colocaram botijões de gás e galões de gasolina no local de trabalho, afirmou à AFP Vincent Labrousse, representante sindical.

Na manhã desta quinta-feira destruíram uma prensa com um maçarico e ameaçam destruir outra máquina durante a tarde.

"Nos recusamos a ser enganados um minuto mais (...) Estamos lutando há seis meses e lamentamos chegar a este ponto, mas hoje estamos sob a ameaça de uma liquidação pura e simples. Se for assim, não deixaremos a empresa intacta", afirmou.

Os sindicatos exigem reuniões com as montadoras PSA e Renault, e com o presidente eleito Emmanuel Macron.

Os 279 funcionários esperam pressionar as montadoras, que são seus principais clientes, para que se comprometam a manter um volume de pedidos suficiente.

AFP

 AFP