Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Localidade no leste da província de Deir Ezzor

(afp_tickers)

Um general russo morreu em um bombardeio de artilharia efetuado pelo grupo extremista Estado Islâmico perto da cidade séria de Deir Ezzor, anunciou neste domingo o ministério da Defesa citado por agências de notícias russas.

"O general de divisão Valeri Assapov morreu na explosão de um obus durante um bombardeio com morteiros realizado por combatentes do Estado Islâmico", disse o ministério.

O militar "estava no posto de comando das tropas sírias e ajudava os comandantes sírios a dirigir as operações destinadas a conseguir a libertação da cidade de Deir Ezzor", acrescentou o comunicado.

Valeri Assapov será condecorado postumamente, completou o texto.

Deir Ezzor, última província síria nas mãos do EI, é o alvo de duas ofensivas independentes, uma pelas tropas sírias com assessoramento de oficiais russos e apoio da força aérea de Moscou, e a outra pelas Forças Democráticas Sírias (FDS), apoiadas pelos Estados Unidos.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP