O ator George Clooney afirmou em uma entrevista a uma revista australiana que Meghan Markle, esposa do príncipe Harry e grávida de seu primeiro filho, está sendo perseguida e difamada pela imprensa sensacionalista como acontecia com a princesa Diana.

Clooney, amigo de Markle e de seu marido, advertiu para o perigo de "repetição" da história pela perseguição da mídia.

"Estão perseguindo Meghan Markle em todos os lugares", disse Clooney à revista WHO durante uma entrevista em Los Angeles.

"É uma mulher grávida de sete meses e que está sendo perseguida e difamada da mesma maneira como Diana foi, a história está se repetindo", disse Clooney. "Nós vimos como isso termina".

Diana de Gales morreu em 1997 um acidente de trânsito em um túnel de Paris quando era perseguida por paparazzis em motocicletas.

Harry e Meghan se casaram em maio do ano passado e desde então ela virou um alvo da imprensa inglesa, conhecida por sua agressividade.

Na semana passada, um jornal publicou uma carta pessoal de Markle a seu pai, na qual pedia que ele parasse de mentir e parasse de explorar sua relação com o marido.

Clooney, que está promovendo a nova série de TV "Catch-22", criticou a invasão de privacidade.

"Eu não consigo explicar como isto é frustrante, ver a publicação de uma carta de uma filha para um pai. Ela está recebendo um tratamento ruim e eu considero que é irresponsável. Estou surpreso com isso", disse o ator.

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.