Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(8 ago) Fila em um supermercado de Caracas

(afp_tickers)

O governo venezuelano lançou uma ofensiva de fiscalizações contra as padarias para evitar filas, que atribui a "intenções políticas", disse o superintendente nacional para a defesa dos direitos socioeconômicos, William Contreras.

Depois de inspecionar 1.900 padarias em todo o país, "continuaremos a supervisão porque chama a atenção que a recorrência de filas somente se dê em Caracas, o que nos faz pensar que há intenções políticas", declarou Contreras à imprensa local durante uma feira alimentar.

Nessa operações são aplicadas multas aos estabelecimentos comerciais e outras sanções como fechamentos temporários, caso se comprovem irregularidades.

Por sua vez, o secretário-geral da plataforma opositora Mesa da Unidade Democrática (MUD), Jesús Torrealba, criticou a ofensiva governamental.

"O governo pretende esconder as filas nas padarias, como se pudesse tapar o sol com a peneira", escreveu Torrealba em sua conta do Twitter.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP