Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Imagem de arquivo de um crocodilo no estado mexicano de Jalisco, em 7 de março de 2009

(afp_tickers)

Um homem aparentemente embriagado e que se acredita ser um turista estrangeiro foi atacado por um crocodilo que arrancou uma parte do seu braço enquanto urinava na lagoa de Nichupté, na zona hoteleira do balneário mexicano de Cancún (leste).

Segundo um relatório policial, este domingo ao amanhecer o homem caminhava na avenida Kukulcán, onde se erguem hotéis luxuosos que dão de um lado para o Caribe e do outro para a Nichupté, quando parou para fazer suas necessidades fisiológicas.

Mas foi surpreendido pelo ataque de um crocodilo, com o qual lutou até conseguir escapar, mas perdeu parte de um braço, que aparentemente foi levado pelo animal.

Uma ambulância da Cruz Vermelha trasladou o homem a um hospital público, onde foi submetido a uma cirurgia e se encontra em estado delicado.

A identidade da vítima permanece desconhecida, mas as autoridades acreditam que se trata de um turista estrangeiro, provavelmente americano.

Nas água doces da lagoa Nichupté, onde se realizam esportes aquáticos, habitam crocodilos cujo tamanho pode ultrapassar três metros de comprimento.

AFP