Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

A Ilha de Páscoa está há três dias sob alerta amarelo devido ao avanço descontrolado das chamas em vários pontos do seu território

(afp_tickers)

Cerca de 20 hectares de vegetação e eucalipto foram devastados nesta segunda-feira na Ilha de Páscoa por incêndios florestais que afetam o território, sem deixar vítimas, informou o Departamento Nacional de Emergência do Chile (Onemi).

Rapa Nui, ou Ilha de Páscoa, localizada a cerca de 3.700 quilômetros do Chile continental, está há três dias sob alerta amarelo (precaução) devido ao avanço descontrolado das chamas em vários pontos do seu território.

Permanece "ativo" o incêndio denominado "Rano Kau 2", que consome uma superfície de "20 hectares de pastagem e eucalipto" e que "avança em direção ao vulcão de mesmo nome, apresentando difícil acesso para o combate terrestre", indicou o Onemi em seu último boletim desta segunda-feira.

"Não há registro de danos em casas e em infraestruturas essenciais, nem de pessoas lesionadas", acrescentou o texto.

Nas próximas horas, uma missão aérea vai monitorar o território afetado e determinar as ações a seguir.

A ilha tem cerca de 7.000 habitantes e recebe quase 100.000 turistas por ano.

O Chile foi afetado no verão por uma série de incêndios florestais, com focos que destruíram amplos territórios no centro e no sul do país.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP