Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O Instagram adicionou na segunda-feira uma nova ferramenta para combater o assédio e fazer do aplicativo de compartilhamento de fotos e vídeos um lugar mais "amigável"

(afp_tickers)

O Instagram adicionou na segunda-feira uma nova ferramenta para combater o assédio e fazer do aplicativo de compartilhamento de fotos e vídeos um lugar mais "amigável".

A rede social, propriedade do Facebook, começou a permitir que algumas celebridades e usuários de contas com mais seguidores, cujas publicações geram centenas de comentários, filtrem as respostas que recebem.

Estes usuários poderão desativar completamente a opção de receber comentários em determinadas publicações ou aplicar filtros, por palavras-chave, às reações dos seus seguidores.

"Nosso objetivo é tornar o Instagram um lugar amigável, divertido e, mais importante, um espaço seguro para que as pessoas possam se expressar", disse à AFP um porta-voz da rede social.

Se esta etapa de teste com as contas mais populares se desenvolver bem, a nova função poderá começar a ser disponibilizada para mais usuários nas próximas semanas.

Atualmente, o Instagram já permite que os usuários apaguem comentários ou usem um filtro projetado para bloquear publicações hostis ou obscenas.

Permitir que os usuários decidam quais comentários querem bloquear nas suas contas ajuda o Instagram a encontrar um equilíbrio entre as acusações de censura e as críticas de que a rede social não faz o suficiente para impedir o assédio on-line.

Em junho, o Instagram anunciou que seu número de usuários ultrapassou a barreira de 500 milhões, dos quais mais de 100 milhões adotaram o aplicativo no último ano.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP