Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Incêndio em central de energia de Gaza, em 29 de julho de 2014. Ao menos 67 palestinos morreram nesta quarta-feira até o meio-dia.

(afp_tickers)

Israel vai observar um cessar-fogo humanitário nesta quarta-feira das 09h00 às 13h00 (horário de Brasília) na Faixa de Gaza, informou o exército em um comunicado.

"O exército autorizou uma trégua temporária na Faixa de Gaza. Esta trégua será aplicada das 15h00 às 19h00 (hora local) e não será aplicada às zonas onde os soldados estão atualmente engajados em operações", afirma o texto.

O exército também pede que "os habitantes não voltem às zonas em que há uma ordem de evacuação" e adverte que responderá a "qualquer tentativa de atentar contra soldados ou civis israelenses".

Ao menos 67 palestinos morreram nesta quarta-feira até o meio-dia na Faixa de Gaza nos bombardeios e ataques israelenses, elevando o número de vítimas desde o início da ofensiva, em 8 de julho, a 1.296 palestinos mortos e 7.200 feridos.

Entre as 67 vítimas fatais desta quarta-feira figuram 16 refugiados do campo de Jabaliya que morreram quando os morteiros disparados por um tanque atingiram uma escola da ONU, indicaram os socorristas.

AFP