Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu

(afp_tickers)

Israel decidiu nesta terça-feira (17) implementar diferentes projetos para a construção de um total de 1.292 casas para colonos na Cisjordânia ocupada, indicou à AFP a ONG israelense anticolonização Paz Agora.

A autoridade israelense, atuando como governo na Cisjordânia, território ocupado há meio século pelo Exército israelense, aprovou estes planos que se encontram em diferentes fases de instrução, explicou a Paz Agora.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP