Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) Polícia patrulha a área comercial de Nanba, no centro de Osaka

(afp_tickers)

A polícia da cidade japonesa de Osaka escondeu durante anos dezenas de milhares de crimes, para melhorar a imagem da cidade, considerada uma das mais perigosas do Japão.

A polícia desta cidade de 2,7 milhões de habitantes admitiu ter escondido mais de 81.000 crimes, cerca de 10%, entre 2008 e 2012.

Como consequência desta ação, Tóquio, a capital, aparece como a cidade com a maior criminalidade do país.

A maioria dos crimes ocultados são roubos de carros e motos, mas também agressões e inclusive homicídios, segundo o jornal Asahi Shimbun.

A direção da polícia negou ter dado instruções para que não mencionassem todos os crimes, e anunciou que cerca de uma centena de oficiais foram repreendidos.

Agentes subalternos afirmaram à imprensa, por sua vez, que estão submetidos a muita pressão de um político local para melhorar a imagem da cidade.

AFP