Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Mao Kobayashi em 16 de outubro de 2014 em Tóquio

(afp_tickers)

A imprensa e as autoridades japonesas lamentavam neste sábado a morte, aos 34 anos, de uma ex-apresentadora de televisão japonesa que relatou em um blog o dia a dia de sua luta contra o câncer de mama.

Mao Kobayashi faleceu na quinta-feira, anunciou seu marido Ebizo Ichiwaka, um ator famoso, em uma entrevista coletiva diante de 400 jornalistas.

Kobayashi anunciou em setembro de 2016 em seu blog, batizado de "Kokoro" ("Coração"), que tinha câncer há dois anos.

"Decidi dizer adeus à pessoa que se escondia por trás do câncer", escreveu a mãe de dois filhos ao revelar a doença.

Milhares de pessoas passaram a acompanhar desde então sua luta contra o câncer no blog, onde publicava fotos de seu tratamento ou com uma peruca após a quimioterapia.

Em 2016, a BBC incluiu Mao Kobayashi na lista de 100 mulheres mais influentes e inspiradoras do mundo.

"É muito triste, mas tenho certeza que sua luta contra a doença deu força a muitos pacientes", disse o porta-voz do governo japonês, Yoshihide Suga.

AFP