AFP

Forças de segurança israelenses montam guarda em rua de Jerusalém

(afp_tickers)

Um jordaniano atacou e feriu neste sábado com uma faca um policial israelense em Jerusalém Oriental, o setor da cidade ocupado e anexado por Israel, antes de ser morto pelas forças de segurança israelenses, segundo a polícia.

O criminoso é um cidadão jordaniano de 57 anos, que estava de visita em Israel há alguns dias, indicou a polícia.

O policial atacado foi evacuado e sofreu ferimentos "moderados", afirmou a porta-voz da polícia israelense Louba Samri em um comunicado.

O criminoso se precipitou rapidamente contra o policial empunhando uma faca em um beco na parte antiga de Jerusalém e o feriu. Em seguida, o policial respondeu matando-o a tiros, acrescentou a mesma fonte.

Os territórios palestinos e Israel são palco de uma onda de violência que já matou, desde 1º de outubro de 2015, 264 palestinos, 41 israelenses, dois americanos, um jordaniano, um norte-sudanês e uma britânica, segundo um balanço da AFP.

A maioria dos palestinos mortos são autores de ataques contra israelenses, geralmente cometidos com facas por jovens sozinhos. Outros foram mortos em confrontos com as forças israelenses.

AFP

 AFP