Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Jardim fotografado em Versalhes, França, no dia 20 de outubro de 2017

(afp_tickers)

Um casal de octogenários unidos por um amor que nasceu na adolescência há 70 anos morreu no mesmo dia no jardim de sua casa no País de Gales durante a recente onda de calor que atingiu o país, segundo aponta o relatório da investigação.

Tony Williams, de 86 anos, tropeçou quando pulverizava um herbicida no jardim, fraturando várias costelas. Sua esposa Faith, de 87 anos, correu para ajudá-lo e também sofreu uma queda fatal, na cidade de St. Donats, no sul do País de Gales.

Sua filha Ruth, preocupada por não ter notícias dos pais, alertou um vizinho, que os encontrou no chão. Tony tinha a cabeça apoiada em uma almofada e Faith estava deitada ao seu lado, no dia 18 de junho, quando a temperatura subiu a 30ºC.

"É muito, muito triste (...) Tudo porque papai queria se livrar das ervas daninhas, de difícil acesso", comentou Ruth durante a investigação.

O casal se casou em 1960. Tony Williams era professor de ciências.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP