Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O presidente do Sudão do Sul, Salva Kiir

(afp_tickers)

Os líderes rivais do Sudão do Sul, o presidente Salva Kiir e seu ex-vice-presidente Riek Machar, assinaram um acordo de cessar-fogo nesta segunda-feira para tentar acabar com oito meses de conflito, segundo os mediadores.

Os acordos anteriores de cessar-fogo no conflito, que começou em dezembro, não foram cumpridos.

Os dirigentes regionais africanos que atuaram como mediadores entre Kiir e Machar pediram a formação de um governo de unidade em 45 dias.

O grupo de mediadores, conhecido como Autoridade Intergovernamental para o Desenvolvimento (Igad), já havia anunciado um prazo de 60 dias para a formação de um governo, mas o período expirou em 11 de agosto, sem resultado.

AFP