Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O ator americano Leonardo DiCaprio é visto em 22 de maio de 2014, em Antibes, França

(afp_tickers)

O ator americano Leonardo DiCaprio arrecadou mais de 25 milhões de dólares para sua fundação, dedicada a preservar os sítios naturais mais selvagens do planeta, em um jantar de caridade organizado em Saint Tropez (sul da França).

Segundo um comunicado da fundação, publicado nesta quinta-feira, o astro de Hollywood advertiu a seus convidados, ao iniciar o evento de gala, "desde a época dos dinossauros, nunca tantas espécies vegetais e animais tinham desaparecido tão rápido".

"Temos que redobrar os esforços para proteger uma biodiversidade rica", declarou DiCaprio a 500 convidados VIP na festa organizada em uma propriedade de Saint-Tropez, o exclusivo balneário da Costa Azul francesa.

DiCaprio iniciou o leilão colocando à venda sua própria Harley Davidson, que tem os autógrafos de Martin Scorsese e Robert De Niro.

Dois papéis de figurante em um de seus próximos filmes arrecadaram US$ 2,4 milhões.

Bono Vox cantou ao lado de Julian Lennon (filho de John Lennon) e pôs à venda sua guitarra pessoal, leiloada por US$ 1 milhão.

Uma escultura de Damien Hirst foi vendida ao milionário Len Blavatnik por mais de US$ 6 milhões, enquanto um desenho de Picasso foi adquirido pelo magnata sul-africano Patrice Motsepe por US$ 1 milhão.

Vários atores, cantores e modelos compareceram à festa, junto com milionários, que pagaram entre 7.500 e 130.000 dólares a entrada.

AFP