Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) O ministro britânico encarregado da Irlanda do Norte, James Brokenshire

(afp_tickers)

Os deputados britânicos votaram nesta terça-feira (14) um projeto de orçamento para a Irlanda do Norte, diante da incapacidade dos partidos norte-irlandeses de chegar a um acordo para formar um governo.

O ministro britânico encarregado da Irlanda do Norte, James Brokenshire, apresentou o orçamento com "a maior reticência", declarando que não tinha "outra opção" para garantir a continuidade dos serviços públicos na Irlanda do Norte.

"Eu preferiria, de longe, que um Executivo restaurado apresentasse seu próprio orçamento", declarou aos deputados durante o debate.

A Irlanda do Norte está sem Governo desde que demitiu, em janeiro, seu vice-primeiro ministro republicano, Martin McGuniness. Os unionistas do DUP e os nacionalistas do Sinn Fein não conseguiram alcançar um acordo para formar um novo gabinete.

O ministro havia fixado 30 de outubro como data-limite para formar um Governo regional, sem o qual alertou para um "reforço da intervenção de Westminster" nos assuntos norte-irlandeses.

Essa iniciativa não significa, segundo ele, "um retorno à administração direta" da província por parte do Poder central.

O texto terá de ser examinado pela Câmara dos Lordes.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP