AFP

Macron durante debate contra Marine Le Pen, em 3 de maio de 2017, em Plaine-Saint-Denis

(afp_tickers)

O presidente eleito da França, Emmanuel Macron, deseja que a Europa volte aos trilhos, de uma forma "triunfal" e protetora, revela um vídeo divulgado nesta terça-feira por ocasião do Dia da Europa.

"Não serei um presidente que ficará sentado. Sou um presidente da República francesa que quer que a Europa de hoje e de amanhã volte aos trilhos, seja digna das promessas de ontem para cumprir com as promessas de amanhã", declarou.

Macron, diante de uma bandeira francesa e de outra europeia, disse que "se queremos estar à altura deste aniversário, deste 9 de maio de 1950, devemos defender nossa Europa, ir mais longe".

Para Macron, não se trata de "defender um projeto ingênuo, as vezes ineficaz, insuficiente", mas sim uma "Europa triunfal, no tema climático, em matéria de segurança coletiva, de relações internacionais".

Segundo o novo presidente francês, é preciso que haja uma "Europa forte, que possa falar com Estados Unidos, China e outras tantas potências". "Uma Europa que defenda seus valores (...), mas também necessitamos de uma Europa que proteja os trabalhadores, os assalariados, os artesãos e os comerciantes (...), e que assegure uma coerência, uma coesão em um mundo cada vez mais incerto e cada vez mais em transformação".

AFP

 AFP