Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Ilha francesa caribenha de Saint-Martin, no dia 27 de setembro de 2017, após a passagem do furacão Irma

(afp_tickers)

A Organização do Turismo do Caribe, que reúne cerca de 30 territórios, garantiu nesta quinta-feira (28) que 75% dos hotéis da região estão operacionais, apesar dos furacões recentes.

Essa organização, com sede em Barbados, inclui, entre outros, Dominica, Haiti, Guiana, Saint Martin, Ilhas Virgens e Bahamas.

A região toda recebeu cerca de 30 milhões de turistas em 2015, metade deles americanos.

"Somos fortes e resilientes, vamos nos levantar. Sejamos franceses, britânicos, espanhóis ou holandeses, somos um, nos protegemos mutuamente", disse Carol Hay, diretora de marketing para Europa da organização em uma coletiva de imprensa no salão do turismo Top Resa de Paris.

Ela também insistiu que 70% do Caribe não foram afetados pelos furacões e que 75% da infraestrutura hoteleira seguem "totalmente operacionais".

As imagens de destroços provocados pelos furacões Irma e Maria afetaram significativamente as reservas na região.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP