Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O principal opositor do Kremlin, Alexei Navalny, foi solto nesta sexta-feira (7), após passar 25 dias preso por ter organizado uma grande manifestação anticorrupção desautorizada pelas autoridades

(afp_tickers)

Cerca de 70 partidários do principal opositor ao Kremlin, Alexei Navalny, foram detidos neste sábado em Moscou e em dezenas em outras cidades da Rússia quando distribuíam panfletos de sua campanha política, informou a ONG especializada OVD-Info.

"Cerca de 70 pessoas foram detidas na capital por perturbações à ordem público", informou a polícia de Moscou em um comunicado.

Pelo menos 30 partidários de Navalny foram detidas em outras cidades russas, segundo a ONG especializada OVD-Info.

Os partidários de Navalny, que foi solto na sexta-feira depois de 25 dias na prisão, se reuniram neste sábado nas entradas de metrô e nas ruas de várias cidades russas para fazer campanha a favor do opositor.

AFP