AFP

Migrantes ilegais, resgatados pela Guarda Costeira líbia no Mar Mediterrâneo, chegam à base naval de Trípoli, em 6 de maio de 2017

(afp_tickers)

Pelo menos 80 migrantes, incluindo mulheres e crianças, estão desaparecidos após um naufrágio ao largo da Líbia, informaram nesta segunda-feira ao Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) sobreviventes que chegaram à Itália.

Cerca de 132 pessoas estavam a bordo de um barco inflável que partiu na sexta-feira da Líbia e que começou a esvaziar depois de algumas horas.

Apenas 50 sobreviventes foram resgatados por um navio comercial que desembarcou no domingo na Sicília.

AFP

 AFP