AFP

O mercado mundial de tablets apresentou uma queda de 8,5% no primeiro trimestre de 2017 em relação ao mesmo período do ano passado

(afp_tickers)

O mercado mundial de tablets continua caindo para a maioria das principais marcas, segundo dados publicados nesta quinta-feira.

A firma de pesquisa IDC apontou uma queda de 8,5% no primeiro trimestre em relação ao mesmo período do ano passado, com 36,2 milhões de dispositivos vendidos, no 10º período consecutivo de queda. Strategy Analytics, por sua vez estima que a queda chegou a 10%.

Segundo a Ryan Reith, analista da IDC, o forte crescimento registrado no início da década com o lançamento do iPad deu lugar a decisões de consumo orientando às compras cada vez maiores de smartphones e laptops mais simples.

Segundo a IDC, a Apple mantéM a liderança nesse segmento, com 24,6% do mercado, apesar de um recuo de 13% de suas vendas. A Samsung continua com 16,5% (-1,1%). A única fabricante que registra um crescimento de suas vendas é a chinesa Huawei, com um salto de 31,7% e uma fatia de mercado de 7,4%. A Amazon não publica seus dados de vendas, mas, segundo a IDC, vendeu cerca de 2,2 milhões de tablets, equivalentes a 6% do mercado (-1,8%), à frente da Lenovo, com 5,7%.

AFP

 AFP