Navigation

Merkel homenageia autores de atentado contra Hitler

A chanceler alemã, Angela Merkel afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 28. junho 2014 - 15:02
(AFP)

A chefe de governo da Alemanha, Angela Merkel, prestou uma homenagem neste sábado aos autores do atentado contra Hitler, organizado há 70 anos, por saberem tomar uma "decisão de acordo com sua consciência" em uma "situação extremamente difícil".

A chanceler alemã deve inaugurar na terça-feira em Berlim uma nova exposição permanente do Memorial da Resistência alemã dedicada ao atentado fracassado contra Hitler, executado pelo coronel Von Stauffenberg em 20 de julho de 1944.

"A exposição mostra como os homens, em uma situação extremamente difícil, souberam tomar uma decisão de acordo com a sua consciência, sem se deixar guiar por uma lealdade incondicional e desenvolvendo suas próprias ideias sobre o que Alemanha precisava", ressaltou Merkel em seu podcast semanal.

"Isso demonstra que atualmente ainda temos que refletir (...) e construir interruptamente a nossa própria opinião", acrescentou a chanceler.

Em 20 de julho de 1944 oficiais de Wehrmacht, entre eles o carismático conde Claus Schenk von Stauffenberg, tentaram eliminar Hitler em Rastenburg, na Prússia Oriental, para derrotar o regime nazista.

O atentado fracassado foi organizado em colaboração com redes da resistência civil compostas por grupos políticos conservadores e da esquerda, assim como por sindicalistas.

Hitler ficou ferido na explosão e os principais autores do atentado foram executados.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.