Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) A logo da Microsoft, no dia 27 de março de 2014, em São Francisco, Califórnia

(afp_tickers)

A Microsoft registrou uma queda acentuada de seus resultados anuais em 2015, sobretudo por causa dos contabilizados no quarto trimestre relacionados com o smartphone Nokia.

O lucro anual caiu 45%, a 12,193 bilhões de dólares, com uma perda no quarto trimestre de 3,195 bilhões de dólares, em comparação ao lucro de 4,612 bilhões registrado no mesmo período do ano anterior.

Por outro lado, o volume de negócios anual registrou uma alta de 7,8%, a 93,58 bilhões de dólares, conforme as previsões dos analistas.

No trimestre, houve uma queda de 5,1%, a 22,18 bilhões de dólares, enquanto o mercado esperava um recuo de 22,060 bilhões.

Após o anúncio desses resultados, a ação do grupo caiu 2,88%, a 45,92 dólares, até as 20h15 GMT, nas operações eletrônicas posteriores ao fechamento de Wall Street.

AFP