Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) Drone sobrevoa Buenos Aires

(afp_tickers)

Duas mulheres precisaram ser hospitalizadas depois de ficarem feridas na cabeça pela queda de uma aeronave não tripulada, mais conhecida como drone, quando saíam da estação de trem de Constitución, uma das mais movimentadas da capital argentina.

O incidente ocorreu no sábado, mas foi divulgado apenas nesta terça-feira, e as mulheres, de 40 e 48 anos, precisaram ser transferidas ao hospital público Argerich, próximo à estação, informou Alberto Crescenti, titular do Sistema de Atendimento Médico de Emergências (SAME).

As mulheres ficaram estiradas no asfalto depois de terem sido atingidas pelo drone, que era manipulado por um jovem de 20 anos, detido durante algumas horas pela polícia acusado de provocar lesões.

Segundo fotos de testemunhas publicadas nas redes sociais, o drone era de dimensões consideráveis.

O uso de aeronaves não tripuladas foi regulamentado por uma norma da Administração Nacional de Aeronáutica Civil (ANAC) publicada em 10 de julho no Diário Oficial, que obrigará a partir de janeiro os usuários a terem um certificado especial para operar drones.

A norma diferencia o uso de drones de recreação daqueles utilizados em filmagens. Estes últimos precisarão de um seguro especial e terão que assumir a responsabilidade por qualquer inconveniente derivado de seu uso, que estará proibido "operar em zonas densamente povoadas ou de aglomeração de pessoas".

AFP