Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Morador observa a rua pela janela de um apartamento da Torre Burnham, no norte de Londres, onde algumas pessoas tiveram que deixar suas casas por temor com a segurança contra incêndio, em 23 de junho de 2017

(afp_tickers)

Vários municípios britânicos tomaram medidas de emergência por medo de que ocorram novos incêndios como o que matou ao menos 79 pessoas na semana passada, em Londres.

Neste sábado, o município de Salford, perto de Manchester, anunciou que tomará "medidas imediatas" para retirar o revestimento instalado em nove torres um dia depois que cinco edifícios londrinos foram evacuados preventivamente.

Enquanto continuam as averiguações em outros blocos residenciais, "parece claro que o revestimento (...) instalado em nossos edifícios deve ser retirado", declarou Paul Dennett, prefeito de Salford.

Ele informou que várias patrulhas vão vigiar constantemente as torres e que outras medidas serão tomadas até o final das obras.

As autoridades suspeitam que os painéis externos, compostos de polietileno incrustado entre duas camadas de alumínio, foram os responsáveis pela rápida propagação das chamas no incêndio que devastou a torre Grenfell de Londres, em 14 de junho, deixando ao menos 79 mortos.

Na sexta-feira, o município londrino de Camden ordenou evacuar, em plena noite e sem aviso prévio, cinco torres com um total de 650 residências, após comprovar que seu revestimento externo era o mesmo que o da torre Grenfell. O objetivo das autoridades é fazer obras urgentes para melhorar a segurança contra incêndios nas construções.

Os moradores de uma destas torres foram autorizados a voltar para suas casas neste sábado, informaram as autoridades de Camden.

Trinta e quatro edifícios de grande porte já tinham sido identificados na Inglaterra como não conformes às normas de segurança anti-incêndios, indicou o governo, o que gera o temor de que seus moradores também tenham que deixar suas casas.

Segundo Downing Street, só na Inglaterra há 600 edifícios com um revestimento similar ao da torre Grenfell.

Neste sábado, um incêndio em um prédio residencial no leste de Londres precisou da intervenção de mais de 70 bombeiros e provocou a evacuação dos moradores, mas não deixou nenhuma vítima.

AFP