Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

A segunda tentativa da Nasa de lançar um módulo temporário na Estação Espacial Internacional (ISS) era realizada sem problemas neste sábado, depois de uma primeira tentativa frustrada nesta semana devido a um excesso de fricção.

(afp_tickers)

A segunda tentativa da Nasa de lançar um módulo temporário na Estação Espacial Internacional (ISS) era realizada sem problemas neste sábado, depois de uma primeira tentativa frustrada nesta semana devido a um excesso de fricção.

Depois de 45 minutos e de ter injetado ar em duas oportunidades, o chamado Módulo de Atividade Expansível Bigelow (BEAM) parecia estar sendo lançado como estava previsto, segundo os comentários da Nasa e as imagens divulgadas ao vivo a partir da ISS.

"Tudo se desenvolvia sem problemas", comentou um porta-voz da agência espacial.

A Nasa tentou na quinta-feira lançar o BEAM, que faz parte de um experimento para testar habitáculos que os astronautas poderiam usar em missões à Lua ou Marte nas próximas décadas.

Mas a operação foi suspensa após duas horas de trabalhos realizados pelo astronauta Jeff Williams em coordenação com o centro de controle em Houston (Texas).

A empresa Bigelow desenvolveu este tipo de módulo como parte de um contrato de 18 milhões de dólares com a Nasa.

O plano é que os astronautas possam ingressar em várias ocasiões no BEAM durante dois anos para testar sua capacidade e a proteção contra a radiação espacial.

Completamente aberto, o módulo mede quatro metros de largura por 3,23 metros de comprimento.

AFP