Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Imigrantes em Palermo, ilha italiana da Sicília, no dia 13 de outubro de 2017

(afp_tickers)

Pelo menos 23 corpos de imigrantes foram recuperados nesta sexta-feira (3), durante uma operação de resgate no Mediterrâneo - informou no Facebook a Eunavformed, operação naval europeia que acontece perto da costa líbia.

Na mesma operação, outras 64 pessoas foram socorridas a tempo, em um bote inflável que começava a naufragar, acrescentou a Eunavformed.

"Foi um dia difícil na zona central do Mediterrâneo, demonstramos que trabalhamos para salvar vida", reconheceu a entidade.

"Desde muito cedo, todas as unidades que participam da operação 'Sophia' se dedicam a socorrer pessoas", informou a Eunavformed no Facebook.

O corpo da União Europeia, coordenado por autoridades italianas, vigia desde 2015 a costa da Líbia para impedir o tráfico de pessoas e deter o fluxo de emigrantes ilegais.

"O barco irlandês 'Le Niamh' esteve envolvido na operação de resgate e salvou 53 pessoas em perigo, enquanto ao mesmo tempo a embarcação espanhola 'Cantabria' esteve envolvida em duas operações", informou a entidade.

Segundo a Guarda Costeira italiana, que coordenou as operações de resgate, cerca de 700 pessoas foram socorridas nesta sexta-feira em seis operações.

Há dois dias foram encontrados os corpos de sete migrantes a bordo de embarcações improvisadas em frente à costa da Líbia.

Novecentas pessoas foram resgatadas nesta mesma operação, informaram as autoridades italianas.

Segundo os dados do ministério do Interior italiano, 111.397 migrantes chegaram à Itália desde o começo do ano até 31 de outubro, 30% menos que no ano passado durante o mesmo período.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP