A aprovação do novo acordo norte-americano de livre-comércio (T-MEC, na sigla em espanhol) precisará de muito trabalho para ser votada pelos congressistas democratas, disse nesta quinta-feira (12), a presidente da Câmara dos Representantes Nancy Pelosi.

"Deve ser muito melhorado em termos de conformidade" com suas regras, disse Pelosi, democrata da Califórnia. "Acho que estamos progredindo", acrescentou.

As negociações com o governo do presidente Donald Trump para melhorar as garantias contra a concorrência dos trabalhadores mexicanos - uma demanda importante dos sindicatos americanos - continuarão, mas ainda não há texto a ser votado, disse Pelosi.

"Muitos pedem que a submetamos ao debate. Não há nada a debater. Não temos um projeto", acrescentou.

Pelosi disse que as mudanças nas normas de conformidade deveriam ser incluídas dentro do próprio texto do tratado, e não em um anexo.

O esforço para ratificar o T-MEC é um dos principais temas do Congresso americano, a quase um ano das eleições presidenciais. Os democratas parecem receosos de dar uma carta de vitória ao presidente Donald Trump, que tentará renovar seu mandato.

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.