Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Alice Cooper

(afp_tickers)

O famoso roqueiro Alice Cooper encontrou, nesta terça-feira, uma obra de Andy Warhol de sua fase "Death and Disaster" que estava enrolada e guardada em um depósito há décadas.

A serigrafia vermelha, que pode valer milhões de dólares, é uma adaptação de uma cadeira elétrica.

O roqueiro americano, que ficou amigo de Warhol quando morou em Nova York, recebeu a obra "Little Electric Chair" como um presente de aniversário de sua amiga Cindy Lang - que trabalhou com a banda The Velvet Underground -, mas não a havia visto desde 1972 ou 1973, explicou à AFP a sua representante, Shep Gordon.

"Só o rock pode te fazer esquecer que tem um Warhol!", afirmou Gordon com uma gargalhada.

Embora Cooper bebesse muito nos anos 1970, Gordon considera que é incompreensível que tenha esquecido dela todo esse tempo.

"Eram outros tempos. Andy não estava morto, suas fotos não eram valiosas, Alice era a atração principal no Madison Square Garden e os ingressos custam US$ 3,50", lembrou.

Gordou explicou que Cooper se lembrou da obra há alguns anos em um jantar com um amigo comerciante de arte, que comentou o alto preço conseguido em um Warhol, famoso artista pop dos anos 1960.

Por conta disto, procurou e encontrou "Little Electric Chair", ainda enrolado, em um depósito junto com antigos equipamentos.

Ainda de acordo com sua representante, o roqueiro não decidiu o que irá fazer com a obra.

Warhol fez uma série de peças "Little Electric Chair", uma das quais foi vendida em 2014 pela casa de leilões britânica Christie's por mais de 10 milhões de dólares.

As outras estão em coleções de arte da Tate Modern de Londres e no San Francisco Museum of Modern Art, na Califórnia.

AFP