Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O agressor, de 33 anos, já era conhecido pelas forças de segurança por atos de violência e roubo, e parece sofrer de "transtornos psiquiátricos"

(afp_tickers)

Um homem feriu, neste sábado, a facadas, oito pessoas na cidade alemã de Munique, e foi detido, informou a polícia, que descartou motivações terroristas.

O agressor, de 33 anos, já era conhecido pelas forças de segurança por atos de violência e roubo, e parece sofrer de "transtornos psiquiátricos", segundo o diretor da polícia de Munique, Hubertus Andrä, durante coletiva de imprensa.

"Não há dúvidas de que a pessoa detida", três horas após o ocorrido, "seja o autor do ataque".

O homem permaneceu em silêncio ao ser preso, por isso as suas motivações continuam sendo uma incógnita.

"Não há absolutamente nenhum elemento" que indique se tratar de um ataque com motivações terroristas, políticas ou religiosas, acrescentou o chefe da polícia.

Um total de oito pessoas foram feridas "levemente", um menino de 12 anos, seis homens e uma mulher. Seis das vítimas são alemãs, e as outras duas de nacionalidades italiana e romena.

De acordo com a polícia, o homem atacou às 6h30 GMT (4h30 de Brasília) vários transeuntes em cinco lugares ao redor da Rosenheimer Platz, a leste do centro da cidade.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP